Aprenda transferir o Windows do HD para SSD sem perder nada (fácil e rápido)

EaseUS_Todo_Backup
EaseUS_Todo_Backup Free

Você tem aquele HD que deu um trabalhão para instalar o Windows, jogos e aplicativos, mas você decidiu trocar por um SSD, pois ou a sua unidade de armazenamento é muito pequena ou se é grande, não tem uma velocidade adequada para iniciar o sistema operacional. E agora, o que fazer? Vou ter que instalar tudo novamente?

Neste tutorial ensinaremos como utilizar um programa grátis (tem a versão paga, se quiser também) e fácil para clonar/transferir o seu HD para um SSD. Ele também serve para fazer clonagens entre outros tipos de unidades semelhantes ou diferentes: HD, SSD e NVME.

Tanto podemos usar o termo clona ou transferir, pois além de transferir os dados, o resultado é uma unidade idêntica.

Iniciamos instalando a nova unidade no PC. Vamos tomar como exemplo o que a maioria vem realizando hoje, ou seja, trocando o seu antigo HD por um SSD, mais veloz, tamanho físico compacto e confiável.

A clonagem só será feita se a quantidade de dados do seu HD não superar o tamanho de espaço total da unidade que irá receber, por exemplo: se você tem 300GB de dados e quiser transferir para uma unidade SSD de 240GB, não será possível. Apenas para uma maior, como, por exemplo uma unidade de 500GB.

Pode acontecer três tipos de casos:

  • A unidade é menor e o SSD maior: A unidade será inteiramente clonada, gerando uma unidade idêntica e o restante do espaço você irá habilitar como uma nova unidade, ficando, por exemplo: HD de 120GB e SSD de 240GB – Será criada uma unidade de 120GB e o restante, por volta de 120GB será uma nova unidade.
  • A unidade é de tamanho igual: As duas unidades são de tamanhos iguais, como 500GB de HD e 500GB de SSD, nesse caso não haverá mudança e a unidade gerada é exatamente igual.
  • No ultimo caso, o seu HD tem 1TB de tamanho e o SSD tem apenas 240GB: Neste caso, a quantidade de dados do HD não pode superar o tamanho físico do SSD, pois o software irá clonar todo o conteúdo, criando uma unidade sem sobras, por exemplo: o seu HD de 1TB tem 150GB de dados, então o programa clonara os dados, criando um SSD com 150GB de dados usados, mantendo o espaço total de 240GB.

Antes da compra da unidade, sugerimos analisar a quantidade de dados que você já tem em uso e de quanto você precisaria em espaço de SSD. Por exemplo: 300GB de Windows e jogos, seria interessante adquirir uma unidade de 500GB.

O programa que usaremos para a clonagem será o Todo Backup na sua versão Free, da empresa chinesa EaseUS.

Faremos um passo-a-passo, desde o início, para englobar a maioria dos usuários novatos ou não, no assunto de armazenamentos.

Configurando a nova unidade

Geralmente, quando instalamos uma nova unidade de SSD, ela não aparece na lista do Windows, pois inicialmente precisamos configurar o espaço de armazenamento, utilizando o Gerenciamento de disco do sistema operacional.

Achando o Gerenciamento de disco pelo Painel de controle
Achando o Gerenciamento de disco pelo Painel de controle

Você pode encontrar o Gerenciamento de disco diretamente pelo Painel de Controle, fazendo uma pesquisa no espaço do lado direito acima da tela. Aparecerá como item das Ferramentas administrativas com o nome de “Criar e formatar partições do disco rígido”.

Abra o gerenciamento de disco
Abra o gerenciamento de disco

A nova unidade aparecerá com o seu tamanho total com a descrição abaixo: Não alocado.

Clique o botão direito do mouse sobre o espaço não alocado
Clique o botão direito do mouse sobre o espaço não alocado
Clique com o botão direito do mouse sobre o espaço da unidade e selecione “Novo Volume Simples”. Abrirá a tela “Assistente para Novas Partições Simples”, clique em avançar
Criando alocação do SSD parte 02
Em seguida deixe o tamanho máximo da unidade
Criando alocação do SSD parte 03
Na próxima tela, na escolha da letra da unidade, deixe como está e avançar novamente.
Criando alocação do SSD parte 04
Na próxima aparecerá sobre o sistema de arquivos e nome do volume, também deixe como está e clique em avançar
Criando alocação do SSD parte 05

Na próxima tela é só clicar em concluir.
Assim, a sua nova unidade está pronta para receber a clonagem.

Encontrando e instalando o EaseUS para clonagem

Link da EaseUS para baixa o programa
Link da EaseUS para baixa o programa

Uma pesquisa simples no Google pelo nome EaseUS e logo encontramos o br.easeus.com, site da desenvolvedora com muitas opções de aplicativos para gerenciamento de dados.

Vá em Backup e Restauração
Vá em Backup e Restauração
Escolha Todo Backup Free
Escolha Todo Backup Free
Tela de entrada do EaseUS Todo Backup Free
Tela de entrada do EaseUS Todo Backup Free

Entrando no site, escolha o item “Backup & Restauração” no menu acima e em seguida o item “Todo Backup Free”.

Deixe seu email para iniciar
Deixe seu email para iniciar

Na próxima tela já teremos o acesso para baixar. Ele pede um e-mail para prosseguir.

Vamos escolher a versão free
Vamos escolher a versão free

Na sequência a empresa oferece a versão paga, mas ficaremos, por enquanto, com a versão “Free”.

Arquivo pequeno para a instalação
Arquivo pequeno para a instalação
 Tela de instalação
Tela de instalação
Continuando na instalação grátis
Continuando na instalação grátis
Processo de instalação
Processo de instalação: Ele baixa a ultima versão e se instala
Pronto para começar
Pronto para começar
Tela para que você escolhe Depois
Tela para que você escolhe Depois
Icone EaseUS
Icone EaseUS no desktop

Logo o ícone estará no desktop, mas se você quiser, já pode prosseguir para a clonagem na sequência, logo na abertura do programa.

Iniciando a clonagem

Tela de inicial do programa
Tela de inicial do programa

Com a tela do “Todo Backup” aberta, você vai identificar o ícone para iniciar a clonagem do lado esquerdo, terceiro de baixo para cima, dois quadrados juntos.

Escolhendo a origem
Escolhendo a origem
Escolhendo a destino
Escolhendo a destino
Marque Otimisar para SSD
Marque Otimisar para SSD

Clicando nele você já será perguntado sobre a origem da clonagem: selecione o HD ou unidade que você irá clonar. E na próxima tela, qual a unidade que receberá a clonagem. Nessa tela é possível acessar as opções avançadas, onde você pode selecionar o item “Otimizar para SSD”.

Tudo pronto para a clonagem
Tudo pronto para a clonagem: nesse caso SSDs iguais
Todo Backup fazendo clone de 2TB para SSD 240GB detalhes
Exemplo: Todo Backup fazendo clone/transferência de 2TB para SSD 240GB detalhes

Na próxima tela vai aparecer o resumo do processo que será feito. Clique em avançar.

Aviso que todos os dados da unidade de destino serão apagados
Aviso que todos os dados da unidade de destino serão apagados (faça backup se houver dados lá)

Uma tela aparecerá avisando que a unidade de destino terá seus dados apagados, mas como geralmente é uma unidade vazia, não terá problema.

Se você usar uma unidade que você vinha utilizando, é prudente fazer backup dos dados.

Processo de clonagem da unidade
Processo de clonagem da unidade
2TB para 240GB processo
Nesta tela você tem a opção de deixar o PC desligar no final do processo

Logo se iniciará o processo de clonagem/transferência. Nessa tela você tem a opção de selecionar para que o computador seja desligado quando o processo for concluído.

Dependendo da quantidade de dados esse processo pode levar de 20 minutos até aproximadamente 1 hora ou mais.

Processo finalizado com sucesso
Processo finalizado com sucesso, só clicar em concluir

Ao encerrar, se você não optou por desligar o computador, clique no botão concluir e o processo estará pronto.

Nunca desligue o computador durante o processo, pois senão, você terá que fazer uma desmontagem lógica da nova unidade de SSD. Isso se faz voltando até o Gerenciador de Disco e, clicando com o botão direito do mouse nos espaços criados durante a operação mal sucedida (SSD ou unidade de destino de outro tipo), você seleciona a opção “Excluir Volume”. Quando todas as partes estiverem excluídas é possível recomeçar do início o processo.

Quando clonamos/transferimos uma unidade, o Windows cria varias pequenas partições de dados, muito importantes para o seu funcionamento.

Finalizando o processo de clonagem

Agora você pode simplesmente desligar a antiga unidade e pelo menu do BIOS escolher a nova para iniciar o sistema e assim estará finalizado o processo.

Pelo BIOS você pode verificar duas unidades com Windows para iniciar
No BIOS você pode verificar duas unidades com Windows para iniciar
 Duas unidades iguais
Duas unidades iguais

Mas se quiser continuar com o antigo HD, você pode iniciar pela nova unidade de armazenamento, selecionando pelo BIOS e depois, dentro do Windows, formatar a unidade antiga, por exemplo.

O restante da unidade se torno outro disco
O restante da unidade se torno outro disco

Não esqueça, que se você clonou uma unidade pequena para um SSD maior, é necessário configurar o espaço vazio de alocação no Gerenciador de Disco, criando um “Novo Volume Simples” (no espaço não alocado).

Utilizando este software você economiza tempo de instalação do sistema operacional, jogos e aplicativos. E se você optou por uma unidade de SSD ou um SSD NVME, o desempenho do sistema como um todo melhorará drasticamente.

Link para o programa:

APRENDA TRANSFERIR O WINDOWS DO HD PARA SSD SEM PERDER NADA (FÁCIL E RÁPIDO)

Deixe uma resposta

− 1 = 1