Review's

SSD NVME barato do AliExpress por R$ 180! Muita velocidade, vale a pena mesmo?

Trouxemos do AliExpress o SSD de 256GB, da marca XrayDisk para testes, mas não é qualquer SSD, como você possa imaginar. Desta vez, depois de muito pedido pelos inscritos do canal, trazemos o rápido SSD PCIe NVMe M.2, que é, por padrão, conectado diretamente na placa mãe, fazendo a sua ligação direta com o processador, tornando a sua velocidade até 3X maior que o padrão SATA III.

Unidade da XrayDisk
Unidade da XrayDisk

A unidade M.2 é reconhecida visualmente por ter dois conectores, sendo um longo e outro curto, diferente de unidades do mesmo tamanho, padrão SATA III, que possuem 3 conectores distintos.

SSD SATA 3
SSD SATA 3

Não são todas as placas mães que possuem o slot para conexão NVMe M.2, por isso, é bom conferir antes de investir.

Unboxing M.2 NVMe
Unboxing M.2 NVMe

Da mesma forma que muitas memórias RAM, as unidades de SSD dos padrões SATA III e NVMe estão muito baratas no AliExpress, não alcançando os US$ 50 que seriam o valor limite de receber uma possível tarifa de importação e com a vantagem de ter fretes ou muito baixos ou até inexistentes.

SSD M.2 NVMe no AliExpress
SSD M.2 NVMe no AliExpress

O SSD da XrayDisk demorou cerca de 15 dias para chegar e não foi tarifada, pela lógica que comentamos, tendo um custo de R$ 184, vindo muito bem embalada e na caixa do produto, estando protegida para a longa viagem.

Por ser muito rápida e ter um grande processamento, esse tipo de unidade esquenta um pouco a mais que as outras unidades SSD, por isso o fabricante envia um Thermal Pad (um adesivo térmico) para que seja usado nele.

Instalado na placa mãe
Instalado na placa mãe

Instalamos no PC Gamer da TecnoArt e sem problemas foi reconhecido pelo sistema.

INSTALANDO

Ativando a unidade no Gerenciador de discos do Windows
Ativando a unidade no Gerenciador de discos do Windows

Geralmente as unidades SSD SATA III e NVMe são reconhecidas pelo Windows, mas não estão ativas, pois é necessário que entremos no Gerenciador de Discos do sistema operacional para ativar o novo volume e formatar a unidade pela primeira vez.

Criando a nova unidade
Criando a nova unidade – Escolha da letra é opcional

Entrando no Gerenciador, clique o botão direito do mouse sobre o disco com o volume não alocado e selecione “Novo Volume Simples”. A sequência é simples, pois a maioria das opções são configuradas para o uso do dia a dia, sem sustos. Dê avançar até o final da instalação.

Unidade reconhecida, formatada e pronta
Unidade reconhecida, formatada e pronta

Realizamos o teste de velocidade no SSD com o programa CrystalDiskMark, onde a leitura da unidade alcançou 1594MB/s (1680MB/s informado pelo fabricante) e uma escrita de 1130MB/s (1450MB/s), ficando dentro da margem do esperado, pois a velocidade também pode mudar conforme a configuração do sistema.

Com esses resultados, a unidade NVMe mostrou ser quase 3X mais rápido que o nosso SATA III, que obteve uma leitura de 552MB/s e escrita de 484MB/s.

Teste de velocidade no CrystalDiskMark
Teste de velocidade no CrystalDiskMark

No programa CrystalDiskInfo a unidade se mostrou perfeita, apenas indicando uma temperatura de 45 ºC, mostrando que realmente necessita do Thermal Pad para ajudar a baixar a temperatura.

No último teste que fizemos, transferindo um arquivo de 7GB do SATA III para o NVMe e depois na direção contrária, a velocidade de escrita e leitura se mantiveram limitados pela velocidade da unidade mais lenta (SATA III), em 500MB/s.

M.2 NVME no Mercado Livre
M.2 NVME no Mercado Livre
SSD M.2 WD Blue na Terabyte
SSD M.2 WD Blue na Terabyte

Excelente custo-benefício é o que podemos concluir desse SSD M.2 NVMe, valendo a pena a compra no AliExpress. No Brasil, uma unidade semelhante tem valores por volta de R$ 350 a R$ 450 em grandes lojas e no Mercado Livre.

COMPRE SEU SSD XRAYDISK:

SSD NVME BARATO DO ALIEXPRESS POR R$180! MUITA VELOCIDADE, VALE A PENA MESMO?

Qual sua reação?

TOP
3
Feliz
0
Amei
0
Não sei
0
Não gostei
0
José Antonio Rubino
Formado em Eletrônica. Trabalha com tecnologia desde os anos 90 e também faz trabalhos voltados ao jornalismo, participando por exemplo do primeiro CD-ROM da revista Exame. Participa do programa OgroTech de tecnologia da web rádio Opção News da grande São Paulo.

    Leave a reply

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    0 %